23 de janeiro de 2010

Vazio .


Do que adianta criar esperanças se elas sempre estão morrendo no final? E eu - já destroçada - fico cada vez pior. Eu não quero mais sonhar. Meus sonhos são feitos de utopia.
Cansei de dormir e acordar na mesma expectativa, sem mudança nenhuma. Cansei de cair do precipício. Quero parar, parar agora.

Sou tão vazia. Não queria que as pessoas vissem minha fraqueza assim. Também não queria os deixar triste.
Queria deixar um sorriso nos rostos das pessoas e uma sensação de paz, mas não há paz aqui dentro.
E aqui fora só há sorrisos. Feitos e ensaiados.

1 comentários:

Dalton disse...

Desistir e fuigr é pior que qualquer fracaço, qualquer luga utopica, aprendi que tudo se resolve mudando o foco, a forma de ver de encara, e a forma de tentar resolver, se uma não deu certo, pense, olhe de varias formas ate que consigo o desejado.

Postar um comentário